domingo, 18 de setembro de 2011

Dreams - Part. 19

Postado por @slaysdrauhl às 16:51
Reações: 

Den: Ta bom – falou ele – Estou te esperando.
(LigaçãoOFF)

Encerrei a ligação logo em seguida fui pra cozinha avisar pra minha mãe e pro Justin que ia ali na casa do Den e já voltava, sempre que acontece algum problema com o notebook dele ele me chama porque ele não entende muito de computação.
Cheguei na cozinha e o Justin já olhou pra mim.
Eu: Ér... Mãe eu vou ali na casa do Den ver um negócio no computador dele rapidinho – falei meia sem jeito.
Mãe: Ah sem problema filha vai lá – falou ela sorrindo.
            Já o Justin ficou sério e tirou os olhos de mim.
Mãe: Só espera um pouco porque eu vou lá em cima pegar o seu álbum de fotos pra mostrar pro Justin – falou ela saindo da cozinha.
            O silêncio tomou conta da cozinha e eu bufei com a situação, o Justin parecia chateado depois que eu disse que ia na casa do Den.
Justin: Não tem outra pessoa que possa ver o problema do computador dele? – perguntou ele sério olhando pra mim.
Eu: Ah Justin eu não sei – falei me irritando – Ele é meu amigo e eu sempre ajudo ele quando acontece algum problema no computador dele.
Justin: Amigo?! – rebateu ele e sorriu de lado.
Eu: Você esta insinuando o que? – perguntei impressionada com o que ele estava fazendo.
Justin: Não existe amizade entre homem e mulher – falou ele se levantando da cadeira.
Eu: Pra você não existe mesmo não é – falei e ele arregalou os olhos – Mas acontece que o Den não é como você.
            Cada palavra dita por mim mesma cortava ainda mais meu coração, o Justin estava tendo uma crise boba de ciúmes e eu acabei me estressando.
Justin: E como eu sou? – perguntou ele se aproximando mais irritado ainda.
Eu: Você sabe como você é – respondi e me afastei – Nem preciso responder.
            Ele ficou ainda mais nervoso e eu não disse mais nada, minha mãe estava demorando pra voltar.
Justin: Me desculpa? – sussurrou ele com a cabeça baixa.
Eu: Ta desculpado – falei fria.
Justin: É que eu não gosto do modo como aquele menino te olha e como ele fala com você – falou ele apertando seu punho esquerdo.
Eu: Eu só acho que você deve confiar mais em mim – falei olhando pra ele – Como quer namorar alguém que nem confia?
            Ele calou-se e eu me aproximei dele.
Eu: Ér... Eu ia já ia te dar a resposta pro seu pedido mais agora preciso pensar mais um pouco – falei olhando fundo nos olhos dele.
            Ele ficou com um olhar frustrado, minha mãe entrou na cozinha e notou o clima tenso que estava ali. Eu logo sai sem dizer mais nada, assim que abri a porta ouvi minha mãe perguntando pra ele o que tinha acontecido e ele respondeu que havia estragado tudo.
            Ouvi aquilo só piorou a minha dor, senti uma lágrima escorrer em meu rosto e logo a enxuguei. Sai e fui em direção à casa do Den, toquei a campainha e fiquei aguardando alguém atender.
Den: Oi – falou ele sorrindo – Demorou pensei que não viria.
Eu: Ah é que... – falei e parei – Esquece.
Den: Como quiser – falou ele sorrindo de lado – Entra aí.
            Antes de entrar eu olhei pra minha casa e me deparei com o Justin na janela olhando pra mim e pro Den sério e parecia furioso, ao perceber que eu estava olhando ele transpareceu tristeza em sua face e aquilo despedaçou meu coração. Entrei logo na casa do Den e nós subimos pro quarto dele, eu comecei a ver qual era o problema no computador dele e não era nada demais.
Eu: São apenas pequenos vírus que deixam o computador lento – falei me levantando da cama dele – Nada demais.
Den: Ah valeu [SeuNome] – falou ele sorrindo.
            A mãe dele entrou no quarto com copos de suco pra nós, me lembrei de quando éramos mais próximos e eu vivia aqui na casa do Den ou ele na minha. Tomei aquele suco maravilhoso que só a Sarah sabe fazer, ela era uma ótima pessoa e eu a chamava de “Tia”. Ficamos conversando durante um tempo e ao olhar pela janela vi o Justin saindo da minha casa e indo em direção ao carro com as mãos nos bolsos, ele ainda parecia triste.
Eu: Preciso ir agora – conclui
            O Den olhou pra janela e viu o motivo por eu querer ir embora.
Den: Ele é seu namorado? – perguntou ele tenso.
Eu: Quase isso – respondi e ele sorriu pelo nariz.
Den: Legal – falou ele quase sem animo algum nas palavras.
            A reação do Den me deixou impressionada logo ele que sempre me dizia pra arrumar um namorado agora ta com essa cara amarrada pro meu lado, vai entender né. Olhei mais uma vez pela janela e me deparei com o Justin parado perto ao seu carro olhando pra casa do Den.
            Eu e o Den descemos e assim que chegamos na porta ele segurou meu braço.
Den: Eu só queria te contar uma coisa – falou ele ainda segurando meu braço – Eu vou estudar na mesma escola que você.
Eu: Que legal Den – falei sorrindo.
Den: Começo mês que vem – falou ele sorrindo.
Eu: Ah ok – falei e estava apressada – Se quiser podemos ir juntos.
Den: Claro – falou ele soltando meu braço – Se seu namorado não achar ruim por mim tudo bem.
            Olhamos um pro outro e começamos a rir do que ele disse o Den mesmo sabe que eu não sou muito de obedecer aos outros. Por isso não dou ordens porque odeio quando me dão uma.
Den: Obrigado por me ajudar com o problema do computador – falou ele beijando a minha bochecha.
Eu: Que isso – falei sorrindo – Deixa o antivírus terminar de escanear lá hein.
Den: Ok – rebateu ele sorrindo também.
Eu: Tchau – falei abrindo a porta.
Den: Tchau – falou ele.
            Sai e o Den fechou a porta, vi o Justin respirar fundo e sua expressão era de aliviado. Fui andando devagar até ele que me olhava de cima pra baixo enquanto lambia e mordia os lábios, não consegui deixar de sorrir do modo como ele me olhava. Eu ainda estava chateada pela falta de confiança dele e daquele ataque de ciúmes idiota.
Eu: Viu só eu estou inteira – falei assim que cheguei perto dele.
            Ele sorriu pelo nariz e logo em seguida olhou pra casa do Den novamente, me virei e me deparei com o Den saindo de sua casa junto ao seu pai. Ele sorriu pra mim e eu retribui, o pai dele costumava falar que eu e o Den nos casaríamos e na época até que eu queria. Mas agora que eu conheci o Justin tudo mudou, só existe o Justin pra mim agora.

Continua... (Ah amoores o número de comentários ta aumentando cada vez mais e isso me deixa muito feliz mesmo (: Obrigado por tudo suas lindas eu amei todos os comentários! Continuem comentando e se puderem divulguem o blog *--* Vlw )

7 comentários:

FanFictions- Brenda on domingo, setembro 18, 2011 disse...

Haaaaaaaaaaaaaaaaa Biaaaaaa
#IB mais perfeitaaaaaaa ♥ Continuaaaa...Xeruh!

@GirlsOf_Bieber on domingo, setembro 18, 2011 disse...

perfeitamente perfeito u.u uuuuuuuuuui pensei que o Den iria me arragar porque nér kkk euviajo.com bj bj minha linda

@Miley_JBieber on domingo, setembro 18, 2011 disse...

Amo esse blog!!

Voce sempre para nas melhores partes, para a gente ficar curiosa.
Mais continua escrevendo não para nao!

Duda on domingo, setembro 18, 2011 disse...

AAAAH CONTINUA
ESTA MT PERFEITO, AMANDOOOOOO

And. on domingo, setembro 18, 2011 disse...

QUERO MAISSSSS,TA MUCHO BOA BIA

Pra Sempre Contigo Luan Santana on domingo, setembro 18, 2011 disse...

Continuaaaaaaa \o/

Luiane on segunda-feira, setembro 19, 2011 disse...

DEEEEEEEEEEEEEEEEAN ASSIM VC ME MATAAAAAAAAAAAA

Postar um comentário

Ei, que tal deixar um comentário na história? Não dói e faz bem ao coração do autor :)

 

* Only Imagine Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos